Cultura, Mundo, Religião | segunda-feira, 11 de abril de 2011

A Burca e os Véus Islâmicos

Uma proibição oficial sobre o uso do “niqab” ou “burca” entrou em vigor na França no dia 11 de abril de 2011. As infratoras pagarão multa de 150 euros. Um caloroso debate precedeu esta decisão do governo francês e o primeiro dia de funcionamento da lei foi marcado por uma passeata e 3 prisões de mulheres que trajavam o véu integral. Onipresente na religião muçulmana, o véu apresenta grandes variações entre países e correntes do islamismo. Desde a burca afegã, que cobre totalmente o corpo e rosto das mulheres e tem apenas uma redinha em frente ao rosto, até os trajes usados pelas mulheres libanesas e turcas, que usam apenas um lenço sobre a cabeça, sem restrição de cor ou tecido. A proibição aprovada pelo parlamento francês vale apenas para o uso de trajes que escondam o rosto.


159 comentários | Comentar

  1. 159 R. Gentilezza - RJ 16/04/2011 19:11

    Um elefante é criado desde pequeno preso, amarrado por uma das patas. Quando adulto, ele tem força o suficiente para se libertar, Porém o condicionamento forjado pelo tempo o impede de tentar se soltar. Foram muitas as tentativas em vão. Ele foi induzido a crer que é impossível se soltar; afinal, passou todo sua vida tentando se livrar e não conseguiu. Muitas das nossas convicções são forjadas pelas constantes e repetitivas afirmações que podem ser justas, úteis, verdadeiras, mentirosas, ingênuas ou maldosas. O fator importante é que não sendo elefantes podemos racionalizar e distinguir as informações coerentes e eliminarmos as demais. -Faça a experiência! É surpreendente a quantidade de ingênuas inutilidades.

    Um fato preocupante e urgente.
    Os nossos hospitais necessitam diariamente de 5.500 bolsas de sangue. É importante doar. Saiba como.
    http://www.inca.gov.br/conteudo_view.asp?id=119
    consulte o hemocentro de sua localidade.

  2. 158 Diego 18/04/2011 14:36

    Aderbal..depois de tantas elucidadas palavras, fica dificil dizer alguma coisa..pois penso desta mesma forma. Há um video na internet, não muito dificil de achar, sobre o mundo islamico..trata de alguns assuntos que voce abordou. Voce gostaria de ver com certeza.

  3. 157 Jacie 20/04/2011 12:36

    Stands back from the keyboard in amazement! Tahkns!

  4. 156 Tambrey 20/04/2011 18:10

    I’m out of laeuge here. Too much brain power on display!

  5. 155 Fred Vianna 25/04/2011 12:19

    Gente, acabei d ver uma mulher na rua usando a burca, aqui mesmo em São Paulo, no bairro d
    Santana … gente, que coisa horrível !!!!!!!!!!!
    É uma coisa ver pela tv, e uma outra, muito diferente ver ao fivo, na sua frente …

    Como é possível alguém submeter outro ser humano a esse tipo d
    tratamento medieval, q q é isso …
    No meu país, as mulheres tem o direito de andar com liberdade, sem ter q ficar
    escondendo a cara, por qualquer superstição idiota e retardada q seja …

    E ainda mais num dia d Sol quente cm esse … coitada …

    Fim à burca, ao apedrejamento d mulheres, ao casamento d homens adultos com crianças ( costume muçulmano ), ao tratamento d mulheres cm se fossem gado,
    para serem trocadas e pertencerem ( cm objeto ) a qqr homem,
    sem ter suas vontades respeitadas e tal …

    Fim à idade média …

    respeitar os costumes ?

    Não me faça rir .,. vá lá na Arábia e na maioria dos países muçulmanos e veja cm eles respeitam os costumes dos outros por lá,
    vai tentar argumentar com esses caras, vc leva uma bala na cara, isso sim … essa gente só entende a foaça bruta e o medo imposto pela ignorância … eles não estão interessados em reapeitar a nossa cultura, e se eles puderem trocar a nossa pela deles, e é isso q eles querem, pra eles isso será perfeito, todo mundo usando burca e adoração à Alá … não queremos ser contaminados pelos costumes deles … nossas mulheres são livres … fiquem longe delas …

    Fred Vianna

  6. 154 Fred Vianna 02/05/2011 17:05

    Olá …
    Meu nome é Fred, e sou ateu ..

    Ao mesmo tempo q n possuo religião,
    fui criado num ambiente católico, onde apesar
    da ” viagem ” dos religiosos, me é assegurado o direito d livre expressão,
    e convivo muito bem com todo mundo …
    Até agora …

    Outro dia, vi uma mulher usando a burca na rua, coberta dos pés a cabeça,
    e pra quem conhece um pouco d história, e acompanha os números
    pelo mundo afora,sabe o q vem por aí …

    Então percebi o quanto meu direito d livre expressão e
    minha liberdade são frágeis … e senti um
    arrepio na espinha …

    É o fim do mundo como o conhecemos
    e como o amamos … se não tomarmos o devido cuidado …

    Devemos nos unir, ” todos nós ” , numa guerra ( sem violência ou agressão) ao islamismo …
    em defesa do nosso direito de expressão e da nossa liberdade …
    Esse pessoal quer tomar o poder no nosso país, e ditar as regras deles
    na nossa sociedade, e logo mais estaremos pedindo permissão até pra ir ao banheiro,
    e nossas mulheres não poderão nem por a cara na rua, nem trbalhar ou estudar,e nossas filhas
    estarão sendo circuncidadas, espancadas e casando aos seis anos …

    Caso não saibam, uma das primeiras esposas de Maomé casou com ele aos seis anos …

    É assustador o papel da mulher no ismalismo,
    é isso mesmo, e é ameaçador … a mulher
    é apenas um brinquedo, eles dizem, pegue um …

    Eles usam a nossa liberdade, a nossa bondade e tolerancia contra nós mesmos …
    Eles ousam criticar os nossos costumes, dizem que nossas mulheres
    perfeitas são ” impuras e sujas “, estão cuspirem na nossa constituição e de
    tudo o que elas nos protege,estão a atacar os nossos valores e tudo o que nós
    lutamos paraconquistar em termos de liberdade de expressão em todas as formas …
    Vá lá no país deles falar sobre outras religiões, ou fazer
    algo q n seja ” permitido ” pela cultura deles,
    e vc vai ver como eles ” respeitam ” a cultura dos outros …
    é urgente q nós, pessoas com alguma instrução, que respeitam as mulheres,
    independente d no q acreditemos como crença,
    façamos algo pra deter esse avanço … e proteger a nossa sociedade
    e principalmente as nossas mulheres …
    Precisamos reativar as cruzadas … ( na paz, e usando a inteligência e a
    informação ) é feio dizer, mas, não existem dois mundos,
    e eles querem o nosso … simples assim, pura questão d sobrevivência …

    Abs … Fred Vianna

  7. 153 Vitor 03/05/2011 3:00

    Luci

    “CONCORDO COM O ORLANDO,SE QUISEREM USAR BURCA FIQUEM EM SEU PAIS,POIS AQUI QUEM MANDA SOMOS NÓS OS BRASILEIROSSS”

    Com todo respeito Luci, para muitas dessas mulheres muçulmanos o País de origem delas é o próprio Brasil, ou no caso da França, são até mesmo Francesas.

    Eu mesmo conheço mulheres, Brasileiras nascidas aqui, que usam Niqab, e gostam de se vestir assim!

  8. 152 Linymoon 06/05/2011 14:37

    Oi gostaria de poder divulgar estas imagens no meu blog,e queria pedir a permissão para o dono do post. Aguardo resposta. Lembrando,que darei os devidos créditos.

  9. 151 pamela da silva freitas 07/06/2011 13:53

    foi muito legal ver como outras mulheres se vestem, saber das outras culturas e formas de pensar nos faz dar valor ao nosso pais q nos da total liberdade para escolhermos tudo,um pais q nos da liberdade pra fazermos a nossas escolhas….

  10. 150 Marco Antônio 06/01/2012 2:16

    Ah!, claro que a cultura muçulmana não se compara com a BRILHANTE E HUMANITÁRIA CIVILIZAÇÃO OCIDENTAL, onde a mulher foi reduzida a objeto de SEXO E PROSTITUIÇÃO.

    Ser civilizada, moderna e ter direitos é andar DESNUDA, mostrantando as partes do corpo, inclusive, as mais íntimas, afinal, tudo facilita.

    Ser civilizada é ser VULGAR, SE VESTIR VULGARMENTE e ABERTA AS CANTADAS E SERVIÇOS REMUNERADOS PARA O SEXO, inclusive, em empresas comuns, onde a regra, é conseguir e se maneter no trabalho com cserviços sexuais.

    Isso tudo é CIVILIZAÇÃO, DESENVOLVIMENTO E RECONHECIMENTO DOS DIREITOS DAS MULHERES.

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. 10
  8. Última
 

Antes de escrever seu comentário, lembre-se: o iG não publica comentários ofensivos, obscenos, que vão contra a lei, que não tenham o remetente identificado ou que não tenham relação com o conteúdo comentado. Dê sua opinião com responsabilidade!

* Campos obrigatórios

 

Responder comentário

* Campos obrigatórios