Publicidade

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012 Uncategorized | 13:38

Barbosa nega pedido de prisão imediata para condenados do mensalão

O presidente do STF, Joaquim Barbosa, também relator do processo do mensalão, negou nesta sexta-feira o pedido de prisão imediata dos condenados no julgamento. O pedido havia sido feito pelo procurador-geral da República, Roberto Gurgel, na quarta-feira, e cabia a Barbosa decidir sozinho, e não em plenário com os demais ministros, por causa do recesso do Judiciário.

Barbosa considerou injustificáveis os argumentos apresentados pela Procuradoria. Em sua argumentação, o ministro usou uma decisão anterior do próprio Supremo, segundo a qual as prisões devem acontecer após o trânsito em julgado da condenação, ou seja, esgotados todos os recursos, exceto nos casos de “prisão de natureza cautelar”. No caso dos 25 condenados do mensalão, já houve a entrega dos passaportes e ninguém pode deixar o País.

Havia dúvidas sobre qual seria a decisão do ministro. Em entrevista a jornalistas ontem, Barbosa afirmou que as decisões do Supremo para se respeitar o trânsito em julgado antes de determinar as prisões tinham origem  na Justiça de primeiro grau e que o caso do processo do mensalão era “inédito”. “O Supremo quando decidiu naqueles casos, decidiu sobre casos em instâncias anteriores. É a primeira vez que o Supremo tem que se debruçar sobre o pedido de uma pena formulado por ele mesmo. Não temos jurisprudência. Temos uma situação nova”, sinalizou deixando dúvidas.

Dos 25 condenados, 11 receberam pena em regime fechado e 11, em regime semiaberto. Dois dos réus tiveram a punição convertida em pena alternativa e um responderá em regime aberto.

Wilson Lima, iG Brasília

Autor: Redação iG Tags:

quinta-feira, 6 de setembro de 2012 Uncategorized | 07:10

Tempo real do trânsito para o feriado da Independência

7h – Dutra (SP/RJ) - No sentido Rio de Janeiro, pista tem tráfego lento por excesso de veículos nos trechos entre os km 175 e km 176, em Nova Iguaçu, e entre os km 166 e 164, no Rio de Janeiro. No sentido São Paulo, há lentidão entre os km 221 e km 225 e nos trechos entre os km 208 e km 212, também por excesso de veículos

7h15 – Raposo Tavares/Castello Branco (SP) – A pista sentido interior tem lentidão entre os km 19 e km 21 por excesso de veículos

8h – BR-101 (RJ) - Na pista sentido Niterói, há retenção entre os kms 318,5 e 320, na região da av. do Contorno, devido ao fluxo de veículos no acesso à Niterói. Ainda nesse sentido, a concessionária realiza obras.

9h – Sistema Anchieta-Imigrantes (SP) - Choque de um caminhão contra a mureta no km 41 da Anchieta sentido litoral, com vazamento de óleo diesel, causa o bloqueio total da pista. Pista norte da Anchieta que normalmente opera sentido capital está bloqueada para inversão de direção. Há tráfego represado do km 40 ao km 41. Equipes estão prestando atendimento à vítima

9h30 – Fernão Dias (MG) - O tráfego segue sem dificuldades em ambos os sentidos da rodovia (Belo Horizonte e São Paulo), na manhã de hoje

9h41 - Trânsito em São Paulo – No horário, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que havia 67 km de vias congestionadas na capital paulista. A região com piores índices é a sul, com 30 km.

Autor: Redação iG Tags:

terça-feira, 28 de agosto de 2012 Brasil | 14:23

Servidores federais ligados à Condsef decidem encerrar greve

Servidores ligados à Confederação dos Trabalhadores no Serviço Publico Federal (Condsef) decidiram nesta terça-feira (28)  encerrar a greve que já durava cerca de dois meses. A decisão, tomada em plenária nacional realizada em Brasília, vale para 17 categorias ligadas à entidade e que negociaram de forma unificada, segundo o secretário-geral Josemilton da Costa.

Leia também: PF recusa proposta de 15,8% de reajuste e servidores da Fiocruz encerram greve

A assinatura do acordo aceitando a proposta do governo federal, segundo a direção da confederação, será feita no fim desta tarde. Os trabalhadores ainda estão decidindo quando vão retomar as atividades.

Devem retornar ao trabalho 250 mil servidores, principalmente de carreiras administrativas, segundo informação da assessoria de imprensa da entidade. Entre as categorias que decidiram voltar ao trabalho estão servidores dos ministérios da Saúde, Cultura, Fazenda e do Planejamento, além de autarquias e fundações públicas, como a Fundação Nacional do Índio (Funai).

Os associados da confederação somam cerca de 510 mil, entre trabalhadores ativos, pensionistas e aposentados. Ao todo, a Condsef representa 80% dos servidores ativos do Executivo, mas algumas categorias estão negociando separadamente, a exemplo da formada por servidores do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra).

Durante a plenária, diversos delegados avaliaram o movimento como vitorioso, não pelas conquistas financeiras, com o reajuste de 15,8% proposto pelo governo, mas pela dimensão da mobilização e pelo fortalecimento da integração das categorias, que reivindicaram de forma unificada as melhorias salariais.

Da Agência Brasil

Autor: Redação iG Tags:

segunda-feira, 9 de julho de 2012 Brasil | 12:19

Acompanhe a volta do feriado de 9 de julho

Siga o movimento pelas câmeras das estradas do País

SEGUNDA, DIA 9 DE JULHO

22h00 – Imigrantes/ Anchieta – Trânsito normal em todo o sistema.

21h40 – Imigrantes / Anchieta - O sistema opera em esquema de subida 2X8 com tráfego normal. Na última hora, 1.620 veículos desceram a serra pela Anchieta e pela Imigrantes e 7.219 subiram a serra.


20h45 – Fernão Dias –
Há retenção no sentido São Paulo entre o km 12 e  km 56, nas regiões de Bragança Paulista e Mairiporã, devido ao excesso de veículos. Ainda nesse sentido, há retenção entre o km 679,5 e o km 690, entre as regiões de Ribeirão Vermelho e Lavras, devido a obras no km 688 ao km 690 que restringem o tráfego na faixa 2. No sentido Belo Horizonte, não há retenção na noite de hoje.

20h30 – Imigrantes/Anchieta – Trânsito segue lento pela Padre Manoel da Nóbrega, sentido São Paulo, entre o km 292 e km 288, devido excesso de veículos.  Restante das rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes têm boas condições de tráfego.

20h00 – Imigrantes – Trânsito intenso e sem pontos de parada no planalto da Imigrantes, sentido São Paulo, devido excesso de veículos.

19h04 – Imigrantes – Tráfego normalizado na saída da Praia Grande

18h59 – Fernão Dias – Há retenção na pista sentido São Paulo entre o o km 7 e o km 60 (entre as regiões de Vargem e Mairiporã) e entre o km 493 e o km 495,5 (Betim), devido ao excesso de veículos. Ainda nesse sentido, há retenção entre o km 680 e o km 690, entre as regiões de Ribeirão Vermelho e Lavras, devido a obras do km 688 ao km 690 que restringem o tráfego na faixa 2. Na pista sentido Belo Horizonte, há retenção entre o km 481,1 e o km 477,2, na região de Contagem, devido ao excesso de veículos.

18h42 – Régis Bittencourt - Há lentidão na pista sentido São Paulo , entre o km 554 e o km 550, na região de Barra do Turvo, reflexo de um acidente envolvendo um caminhão que restringiu o tráfego em uma das faixas no km 550. O veículo já foi removido e não há mais restrições. Na pista sentido Curitiba, não há lentidão na noite de hoje.

18h24 – Dutra - Lentidão  na pista expressa, sentido Rio-São Paulo, entre os quilômetros 231 ao 205 (altura de Guarulhos) devido a excesso de veículos. Há também lentidão entre os quilômetros 333 ao 288 por causa de um acidente na altura de Porto Real. Excesso de veículos continua sendo um problema entre os quilômetros 186 ao 163, na altura de São João de Meriti.

17h58 – Padre Manoel da Nóbrega – Lentidão entres os quilômetros 292 e 288, sentido São Paulo, devido excesso de veículos.

17h40 – Imigrantes - Trânsito lento do km 70 ao km 67, na saída de Praia Grande, devido excesso de veículos.

16:57 – Fernão Dias – Há retenção na pista  em dois pontos no sentido São Paulo. Por causa do excesso de veículos o trânsito está parado entre os quilômetros 20 ao 27, na altura de Bragança Paulista e Atibaia, e entre os kms 52 e 59, na altura de Mairiporã.

16h42 – Dutra - Lentidão entre os quilômetros 186 ao 163, altura de São João de Meriti, por causa de excesso de veículos. Obras na pista entre os quilômetros 92 e 0 também deixam o transito lento na altura de Queluz.

16:36 – Régis Bittencourt – Há lentidão na pista sentido São Paulo, entre o km 287 e o km 283, entre as regiões de Itapecerica da Serra e Embu das Artes, por causa de um acidente um automóvel e um caminhão no km 283 . No sentido Curitiba, não há lentidão.

16h33 – Imigrantes/Anchieta - O movimento de veículos continua bom em direção a São Paulo no Sistema Anchieta-Imigrantes. Na última hora, 1.871 veículos desceram a serra pela Anchieta e pela Imigrantes e 5.942 subiram a serra.

15h42 – Bandeirantes/Anhanguera – No sentido capital, o trânsito está congestionado na pista expressa da Bandeirantes do km 60 ao km 57 na região de Jundiaí. Há congestionamento também na pista expressa do km 44 ao km 38 devido a um acidente, que interditou uma faixa da rodovia. O tráfego de caminhões das 14h às 22h do km 48 ao km 23 está proibido. A alternativa é usar a Rodovia Anhanguera

15h37 – Dutra - No sentido São Paulo,  o tráfego é lento na região de Guarulhos, na pista expressa, do km 222 ao km 223.  Na região de São João de Meriti, o motorista também enfrenta complicações do km 169 ao km 173 e do km 166 ao km 167 na pista marginal. Na pista expressa, o tráfego é lento entre o km 170 e o km 179. No sentido Rio de Janeiro, a região do Belford Roxo tem tráfego lento do km 173 ao km 171

15h32 – Ayrton Senna/ Carvalho Pinto – Tráfego é normal e visibilidade é boa em toda a extensão do corredor

15h27 – Fernão Dias – O tráfego está lento na rodovia no trecho que vai de Atibaia a Mairiporã, no sentido São Paulo, do km 40 ao km 65. Motorista trafega a uma média de 30km/h devido ao excesso de veículos, mas não encontra pontos de parada

15h22 – Régis Bittencourt – Motorista encontra tráfego fluindo normalmente nos dois sentidos da rodovia

15h18 - Anchieta/Imigrantes – Tráfego flui bem nos dois sentidos da rodovia. Desde às 13h30, foi implantada a Operação Subida para auxiliar no fluxo de veículos neste retorno de feriado. Segundo a Ecovias, restam retornar para a capital 57 mil veículos

13h56 – Dutra – Tráfego lento por excesso de veículos em São João do Miriti do km 170 ao km 173.

13h54 – Ayrton Senna/Carvalho Pinto – Tráfego normal.

13h53 – Raposo Tavares/Castello Branco – Tráfego flui sem retenções.

13h52 Anhanguera/Bandeirantes – Tráfego normal.

13h50 – Anchieta/Imigrantes - Tráfego tranquilo.

12h48 – Fernão Dias – Trânsito é intenso entre Atibaia e Mairiporã, mas sem pontos de parada.

12h32 – Castello Branco/ RaposoTavares - Tráfego normal.

12h30 – Anhanguera/Bandeirantes - Tráfego flui sem lentidão.

12h28 – Anchieta/Imigrantes – Tráfego bom nas rodovias

12h27 – Ayrton Senna/Carvalho Pinto – Tráfego flui sem restrições.

12h25 – Régis Bittencourt – A pista sentido São Paulo está com o tráfego restrito no km 561,5, na região de Barra do Turvo, devido a uma operação para o destombamento de uma carreta. O tráfego está parado do km 566,5 ao km 561,5. Equipes da Concessionária estão no local e trabalham na remoção do veículo e na liberação total da via.

A manhã e o fim da noite desta segunda-feira são os melhores períodos para voltar à capital após o feriadão, segundo as concessionárias das principais estradas do Estado. O tempo frio de domingo, no entanto, foi um incentivo para os turistas fazerem as malas antes e já retornarem a São Paulo.

Autor: Redação iG Tags:

segunda-feira, 11 de junho de 2012 Ao Vivo | 08:00

Tempo real do trânsito na volta do feriado de Corpus Christis

11h52 – Ponte Rio-Niterói – Tráfego normalizado nos dois sentidos.

11h51 -  Sistema Anchieta-Imigrantes tem o fluxo normalizado.

11h50 -  Régis Bittencourt (São Paulo – Curitiba) – O tráfego segue sem lentidão em ambos os sentidos da rodovia. O tempo é chuvoso.  A concessionária orienta aos usuários para que redobrem a atenção e reduzam a velocidade, devido às pistas molhadas.

11h28 – Ponte Rio-Niterói - Retenção nos acessos ao Elevado da Perimetral e Rodoviária Novo Rio.

11h20 – Corredor Ayrton Senna-Carvalho Pinto - Tráfego Lento do km 17 ao km 11  e do km 27 ao km 21 sentido São Paulo. Tráfego normal sentido interior.

10h51 – Anchieta – Finalizada operação comboio na Anchieta, sentido litoral, devido à melhora na visibilidade.

10h50 – Castelo Branco – Excesso de veículos deixa o tráfego lento entre os km 18 e km 13 no trecho Osasco-Barueri.

10h45 – Sistema Anchieta-Imigrantes – Chegada à capital paulista segue com tráfego lento do Km 13 ao km 10, por excesso de veículos.  No momento, chove em todo o Sistema Anchieta-Imigrantes. Demais trechos seguem com boas condições de tráfego e visibilidade.

10h31 – Ponte Rio-Niterói - Trânsito segue congestionado no sentido Rio de Janeiro.  A lentidão ocorre desde a descida do Vão Central até o acesso à Rodoviária Novo Rio.  No sentido Niterói, o tráfego está normal.

10h30 – Dutra - Sentido São Paulo Guarulhos  congestionado entre os km 231 ao 205. Há também congestionamento no sentido Guarulhos – Jacarei entre os km 205 ao 162

10h26 – Anchieta – Tráfego continua lento na chegada a São Paulo

10h10 Fernão Dias - Tráfego flui sem retenções nos dois sentidos.

9h16 – Ponte Rio-Niterói - O tráfego da pista expressa no sentido Rio de Janeiro apresenta pontos de lentidão do km 321 ao km 334. No sentido Niterói, tráfego flui normalmente

9h13 – Bandeirantes/Anhanguera – No sentido Capital, a Rodovia dos Bandeirantes tem tráfego congestionado na pista expressa do km 17 ao km 13. A Anhanguera também tem pontos de lentidão do km 14 ao km 11

9h07 – Anchieta - Motorista continua enfrentando lentidão no tráfego na chegada a Capital pela rodovia do km 13 ao km 10, por excesso de veículos

9h03 – Fernão Dias - Rodovia está parcialmente interditada no sentido São Paulo no km 813 por causa de tombamento. Por conta disso, o tráfego está lento do km 813 até o km 807. Outro tombamento deixa o tráfego lento do km 632 ao km 629. No sentido Belo Horizonte, a pista está parcialmente interditada no km 661 devido a obras. O motorista enfrenta lentidão do km 661 ao km 660

8h59 – Ayrton Senna/Carvalho Pinto - Tráfego flui normalmente no corredor

8h52 – Imigrantes – Motorista trafega normalmente na rodovia

8h50 – Dutra - Motorista encontra lentidão em Guarulhos, no sentido São Paulo, do km 217 ao km 221 e do km 222 ao km 225, por excesso de veículos

8h45 – Castello Branco - No sentido capital, tráfego é lento entre os km 32 ao km 25 por excesso de veículos na pista expressa. Motorista encontra dificuldades na pista também do km 19 ao km 21. Tráfego é complicado também do km 15 ao km 13 da pista marginal

8h42 – Anhanguera/Bandeirantes - Anhanguera/Bandeirantes – No sentido capital, motorista encontra tráfego congestionado na pista expressa da Bandeirantes do km 17 ao km 13. Na Anhanguera, há congestionamento  do km 66 ao km 63, do km 99 ao km 98 e do km 12 ao km 11. No sentido interior, o congestionamento se concentra na região de Campinas entre os km 102 e km 103

8h38 – Ponte Rio-Niterói – O tráfego da pista expressa no sentido Rio de Janeiro apresenta pontos de lentidão no km 334 e do km 321 ao km 327. No sentido Niterói, tráfego flui normalmente

8h36 – Régis Bittencourt Tombamento interdita parcialmente a rodovia no sentido São Paulo deixando o tráfego lento do km 350 eo km 349

8h29 – Fernão Dias – Rodovia está parcialmente interditada no sentido São Paulo no km 813 por causa de tombamento. Por conta disso, o tráfego está lento do km 813 até o km 807. Outro tombamento deixa o tráfego lento do km 632 ao km 629. No sentido Belo Horizonte, a pista está parcialmente interditada no km 661 devido a obras. O motorista enfrenta lentidão do km 661 ao km 660

8h13 – Anchieta - Motorista encontra lentidão no sentido São Paulo da pista, do km 13 ao km 10 e do km 21 ao km 18, por excesso de veículos

21h41 – Fernão Dias – Há retenção no sentido São Paulo, do km 40 ao km 66, entre Atibaia e Mairiporã, devido ao excesso de veículos. No sentido Belo Horizonte, o tráfego flui normalmente.

21h30 – Imigrantes - Ecovias informa que a pista sul da Imigrantes voltou a operar no sentido litoral. O sistema está em operação normal (5×5), com tráfego fluindo bem e neblina no topo da serra.

21h15 – Régis Bittencourt - Há lentidão no sentido São Paulo, do km 39 ao km 31,7, na região de Campina Grande do Sul. O motorista ainda encontra dificuldades devido a obras e tem de trafegar pela faixa da esquerda.

21h12 – Dutra - Última atualização indica que o tráfego agora vai bem na rodovia. Fluxo normal.

21h10 – BR-101 – A concessionária informa que o tráfego segue sem retenção em ambos os sentidos (Espírito Santo e Niterói). O motorista não encontra pontos de congestionamento.

20h40 – Anchieta - Nova atualização da Ecovas informa que a visibilidade voltou a piorar no topo da serra. Mais uma vez, será adotada a Operação Comboio a partir do pedágio da Anchieta, no km 31.

20h25 – Régis Bittencourt - Há lentidão na pista sentido São Paulo, do km 54 ao km 45,9, na região de Campina Grande do Sul, devido  a obras de reforço e alargamento de uma ponte. O tráfego está restrito à faixa da esquerda no local. Na pista sentido Curitiba, não há congestionamento.

20h22 – Anchieta-Imigrantes – Ecovias informa que a pista sul da Imigrantes foi fechada para inversão de mão de direção e implantação da Operação Normal (5×5). Nas demais pistas, tráfego flui sem problemas.

20h20 – Castelo Branco - A concessionária informa que o tráfego flui bem agora, sem pontos de congestionamento.

20h13 – Dutra – Obras na pista deixam o tráfego congestionado entre os kms 63 e 64 da pista Rio-São Paulo, na altura de Guaratinguetá. Os veículos trafegam pela faixa da direita.

19h51 – Anchieta - A Ecovias informa que a Operação Comboio que vinha sendo adotada a partir do pedágio, no km 31, está encerrada, já que a visibilidade melhorou. O tráfego flui bem em todo o sistema.

19h45 – Ayrton Senna - Além de filas do km 32 ao km 21, no sentido São Paulo, o motorista enfrenta tráfego intenso por conta de um capotamento no km 21. Velocidade reduzida no local.

19h23 – Anhanguera – Acidente já causa dois quilômetros de lentidão no sentido interior-capital, no trecho entre Campinas e Cordeirópolis. O motorista enfrenta problemas do km 125 ao km 123, na região de Americana (SP).

19h15 – Dutra - Última atualização da concessionária indica outro ponto de congestionamento na rodovia, no sentido São Paulo, agora do km 111 ao km 112, na altura de Taubaté. Há um veículo quebrado sobre a pista.

19h07 – Ayrton Senna - O tráfego é lento no sentido São Paulo, do km 34 ao km 25, devido ao excesso de veículos.

18h51 – Dutra - Rodovia segue com pontos de congestionamento nos dois sentidos. Na pista Rio-São Paulo, há lentidão entre os kms 203 e 206 (região de Guarulhos), do km 61 ao km 64 (em Guaratinguetá) e do km 166 ao km 167 (ainda no Rio). Na pista São Paulo-Rio, do km 186 ao km 178 e entre os kms 176 e 174 (em Nova Iguaçu).

18h40 – Rio-Teresópolis – Não há mais pontos de retenção no sentido Rio, que agora flui bem. Motorista ainda segue em sistema pare e siga no trecho entre Teresópolis e Além Paraíba, do km 28 ao km 29.

18h22 – Anchieta – Ecovias informa que uma queda de moto no km 29 da Anchieta, no sentido capital, interdita uma das faixas da esquerda, causando lentidão. Por conta da visibilidade reduzida no topo da serra, a Operação Comboio está mantida a partir do pedágio, no km 31.

18h10 – Raposo Tavares - Tráfego intenso nos dois sentidos, mas o motorista não encontra pontos de lentidão.

18h05 – Castelo Branco - No sentido capital (leste), no trecho entre Barueri e Itapevi, o tráfego é lento do km 41 ao km 30 devido ao excesso de veículos.

18h02 – Dutra – No sentido São Paulo, o motorista também enfrenta problemas na região de Guarulhos (SP), já quase na chegada à capital. Há congestionamento do km 206 ao km 208, pelo excesso de veículos.

17h44 – Bandeirantes - O sentido interior-capital vai se tornando uma opção ruim para o motorista neste final de tarde. No trecho São-Paulo-Jundiaí, há tráfego intenso do km 66 ao km 58. Já no trecho Jundiaí-Campinas, a lentidão existe do km 95 ao km 90 e entre o km 77 e o km 71.

17h43 – Dutra – No sentido Rio de Janeiro, o motorista enfrenta tráfego congestionado por três quilômetros, entre o km 16 e o km 13, na região de Lavrinhas, devido a obras na pista.

17h41 – BR-101 – Excesso de veículos continua provocando lentidão e retenção na pista sentido Niterói, entre o km 286 e o km 294, na região de Itaboraí. Já na pista sentido Espírito Santo, o motorista segue com tranquilidade.

17h30 – Oswaldo Cruz – O motorista não tem problemas entre Ubatuba e Taubaté. Sem ponto de congestionamento.

17h23 – Rio-Teresópolis – Tráfego com retenções em pontos isolados: no sentido Rio, do km 143 ao km 144, e no trecho Teresópolis-Além Paraíba, em sistema pare e siga do km 28 ao km 29. Fluxo normal no trecho de serra.

17h20 – Rodovia dos Lagos - Tráfego normal nos dois sentidos da ViaLagos. O motorista faz um bom caminho.

17h15 – Régis Bittencourt - No sentido São Paulo, o motorista continua com problemas do km 39 ao km 32, na região de Campina Grande do Sul, por conta de um acidente envolvendo uma carreta no km 32. Mas o tráfego já foi liberado no local. Na pista sentido Curitiba, não há nenhum ponto de congestionamento.

17h13 – Anchieta-Imigrantes - Neste momento, o sistema é uma boa opção para o motorista. O tráfego é normal em todas as pistas da Anchieta e da Imigrantes, sem pontos de lentidão. Devido à neblina no trecho de serra, foi implantada a Operação Comboio na Anchieta, no sentido São Paulo, desde a praça do pedágio.

17h10 – Castelo Branco - O motorista trafega com dificuldades no sentido capital em dois trechos. Entre Barueri e Itapevi, há lentidão do km 34 ao km 30, pelo excesso de veículos. Entre Itapevi e Itu, o congestionamento é de um quilômetro, do km 54 ao km 53.

17h03 – Anhanguera-Bandeirantes - Na Bandeirantes, os motoristas enfrentam tráfego lento no trecho entre Jundiaí e Campinas, do km 77 ao km 71, e também entre São Paulo e Jundiaí, entre os kms 65 e 58. Na Anhanguera, há lentidão entre os kms 62 a 60, na pista expressa, também no trecho entre São Paulo e Jundiaí.

16h53 – Dutra - Agora já são três pontos de congestionamento no sentido Rio de Janeiro. O motorista enfrenta tráfego lento na região de Nova Iguaçu, entre os kms 177 e 174 (excesso de veículos), e do km 186 ao km 184 (acidente). Em Queluz, há congestionamento entre os kms 15 e 13 (obras na pista). Já no sentido São Paulo, lentidão do km 61 ao km 64 devido a obras na pista, em Guaratinguetá (tráfego flui pela faixa da direita), e também entre os kms 85 e 87, pelo excesso de veículos, na região da Pindamonhangaba.

16h46 – BR-040 - No sentido Juiz de Fora, o tráfego está em meia pista na altura do km 781 devido a acidente. Na região de Itaipava, os veículos também seguem em meia pista em ambos os sentidos na altura do km 50 e também nos kms 25, 40 e 54 do sentido Rio de Janeiro – há obras na pista. Não há problemas no trecho de serra e na Baixada.

16h30 – Régis Bittencourt - Lentidão na pista sentido São Paulo do km 39 ao km 32, na região de Campina Grande do Sul, reflexo de um acidente envolvendo uma carreta

16h20 – Fernão Dias – Há retenção no sentido Belo Horizonte entre o km 500 e o km 495, na região de Betim, devido ao excesso de veículos. No sentido São Paulo, o congestionamento vai do km 59 ao km 66, na região de Mairiporã

16h13 – Ponte Rio-Niterói - De acordo com a concessionária, o tráfego é normal nos dois sentidos

16h – Bandeirantes - Dois pontos de congestionamento no sentido São Paulo: em Campinas entre os km 97 e 90 e em Jundiaí desde o km 63 até o km 58

15h44 – Castelo Branco - Não há registro de pontos de lentidão de acordo com a administradora

15h37 – Ayrton-Senna – Situação normal no sistema de acordo com a concessionária

15h29 – Anchieta-Imigrantes - Segundo a concessionária, dos veículos que foram para o litoral pelo sistema no feriado, faltam voltar apenas 21 mil. Não deve haver grande congestionamento

15h20 – Floriano Rodrigues Pinheiro - Tráfego carregado no trecho de serra no retorno de Campos do Jordão, na altura na região de Taubaté e Pindamonhangaba

15h12 – BR-101/RJ - Congestionamento entre os kms 286 e 294, na região de Itaboraí, devido ao excesso de veículos

15h00 – Rio-Teresópolis – Em sistema pare e siga no trecho de serra, do km 28 ao km 29

14h55 – Dutra - No sentido São Paulo, trânsito lento na região de Guaratingueta do km 61 a km 64. Para quem vai para o Rio, o congestionamento ocorre em dois pontos: em Nova Iguaçu, do km 171 ao km 176 e em Piraí, do km 227 ao km 229

14h50 – Anhanguera-Bandeirantes - Acidente na região de Campinas provoca congestionamento no sentido capital do km 98 ao km 94. Por conta do retorno do feriado, o trânsito de caminhões está proibido na Bandeirantes a partir das 14h até às 22h

14h47 – Anchieta-Imigrantes - Iniciada a Operação Subida. Duas pistas da Anchieta e toda a Imigrantes estão disponíveis para o retorno do feriado

14h45 – Boa tarde! A partir de agora o iG acompanha o trânsito nas principais estradas do País na volta do feriado de Corpus Christi.

Autor: Redação iG Tags:

sábado, 9 de junho de 2012 Ao Vivo | 19:56

Lembranças de bate-papos com Ivan Lessa

Bruno Garcez , BBC Brasil em Londres

Ivan Lessa morre aos 77 - Divulgação

Ivan Lessa era um prosador nato, bom de lábia, farto em tiradas, dotado de um humor ferino, cáustico. A mesa de almoço com ele se transformava em um palco, em que ele era o protagonista. Os temas iam desde episódios de Os Simpsons até canções de Billy Eckstine ou filmes de Michael Powell.

Ivan Lessa morre aos 77 anos

Além de contar “causos”, Ivan nos divertia tecendo loas aos artistas que admirava e descendo lenha nos que desprezava. Não bastasse isso, gostava de fazer vozes e imitar personagens reais ou imaginários. Dávamos risadas, às vezes, gargalhadas.

Todos conheciam os textos do Ivan ou as crônicas que ele lia no rádio, mas boa parte de nossos ouvintes e leitores não conhecia o personagem Ivan Lessa como nós, da BBC Brasil, conhecíamos.

Sua irreverência e ironia já estavam estampadas nos textos, mas nada melhor do que dar uma amostra do verdadeiro Ivan para os ouvintes.

Sendo assim, pensaram meus editores, por que a gente não grava um bate-papo com o Ivan e transforma essas conversas com ele em uma atração semanal? A ideia era boa e de simples execução.

Leia a última coluna de Ivan Lessa: “Orlando Porto”

Foi assim que, em 2003, coube a mim a sorte de ter sido o primeiro a participar desses bate-papos com o Ivan. As conversas podiam chegar até a durar meia hora, mas a versão que chegava às ondas do rádio era bem mais enxuta – de, no máximo, uns cinco minutos. Editar podia ser uma tarefa árdua.

Ivan gostava de falar e, no fluxo de consciência que ele produzia, nem sempre era fácil achar pontos de cortes. Às vezes, dava dó de ter de deixar de fora parte do deboche, das diatribes e das frases certeiras dele. Mas preservávamos o essencial.

Os temas, assim como nos almoços protagonizados por ele, eram os mais variados. Falávamos sobre os já mencionados Simpsons, de quem Ivan era um fã ardoroso, a célebre entrevista de Michael Jackson com Martin Bashir, a briga entre os escritores Martin Amis e Ian McEwan.

Leia também: Ivan Lessa: O carioca londrino

Não nos limitávamos a conversar. Os bate-papos eram entremeados por músicas que Ivan gostava ou sobre as quais falaria naquela edição do programa. Sinatra não poderia faltar e compareceu em mais de uma ocasião. Mas também estiveram presentes o já citado Billy Eckstine, a quem Ivan se orgulhava de ter entrevistado, e muitos outros.

Era como um papo de botequim, mas sem cerveja ou tira-gostos. Mas não faltavam risadas. O tom improvisado era tão grande que, em princípio, nem sabíamos que nome dar a essa atração. Mas, fiéis ao caráter espontâneo da coisa, optamos por um mero Papo com Ivan, que já dizia tudo.

Siga o iG Cultura no Twitter

Depois de mim, vários outros produtores da BBC Brasil passaram pela funcão de interlocutor do Ivan. Todos nós compartilhamos as risadas e conhecimentos que adquirimos graças a esse convívio.

Ivan tinha suas idiossincrasias e torcia o nariz para muitas coisas, em particular para a música mais recente. Eu me recordo bem da alegria de um colega Eric Camara após ter apresentado a Ivan um disco de Elvis Costello em que o cantor e compositor britânico interpreta standards da música americana.

Marotamante, meu colega não revelou quem era e muito menos que se tratava de um artista atual. Mas relatou que Ivan curtiu o que ouviu. Depois, fiel ao estilo, quando questionamos Ivan sobre Elvis Costello, ele desconversou e agiu como se não lembrasse do incidente. Era a birra característica do Ivan – ele não gostava de dar o braço a torcer.

Ivan nos apresentava tantas coisas boas que a gente se sentia feliz quando conseguia retribuir de alguma forma. Por isso, entendo bem a alegria de meu colega, pois tive eu próprio experiência semelhante, quando presenteei Ivan com uma cópia de Macho Não Ganha Flor, de Dalton Trevisan – o recluso escritor curitibano, de quem Ivan era amigo e com quem chegou a trocar cartas, na época em que ele, Ivan, editava o Pasquim.

Ele enviou um email de agradecimento carinhoso e expressou a alegria de estar lendo um novo Dalton após tantos anos.

Agora, enquanto escrevo este texto, eu me recordo de outro cantor que vim a conhecer melhor graças a Ivan, Johnny Hartman. Por isso, escolhi a bela voz do crooner dos anos 50 e 60 para ajudar na inspiração. Acho que Ivan aprovaria a escolha.

É pena que o bate-papo que se seguiria a estas canções não é mais possível. Mas fica a recordação daquelas animadas conversas semanais.

Veja a lista de colunas da BBC Brasil escritas por Ivan Lessa e publicadas no iG



Autor: Redação iG Tags:

Ao Vivo | 19:47

Cronista apaixonado pelo cinema

Thomas Pappon, BBC Brasil

Ivan Lessa morre aos 77 - Fernando Cavalcanti / BBC Brasil

Ivan Lessa certamente será lembrado como a principal cabeça pensante dos tempos áureos do Pasquim e pelo seu texto refinado e ácido – muitas vezes aberto a interpretações distintas, mas que rendeu-lhe a fama de um dos grandes escritores brasileiros.

Oscar Pilagallo: Em Londres com Ivan Lessa

Ele reverenciava as regras da arte de escrever, que dominava. Entregava sua coluna religiosamente um dia antes da publicação prevista; erros de gramática e regência ou colocações sem sentido, não os havia.

Leia a última coluna de Ivan Lessa: “Orlando Porto”

Se via como cronista, um comentador de fatos pescados de jornais e noticiários, na tradição de Paulo Mendes Campos, Sérgio Porto, Rubem Braga e Fernando Sabino.

“Não sou jornalista”, dizia, enfático, na cantina da BBC – onde confraternizava com os colegas de trabalho, nos três dias da semana em que vinha para Bush House, antiga sede do Serviço Mundial.

Mas falava com muito orgulho de seu – talvez – único trabalho com o “repórter” da BBC Brasil: de quando entrevistou, em Londres, o ícone do jazz Billy Eckstine.

Leia também: Ivan Lessa: O carioca londrino

Ivan Lessa amava Eckstine. E amava Frank Sinatra, Dick Haymes, Frankie Laine, Sammy Davis Jr., Joe Mooney e um monte de crooners obscuros que conheceu nos anos 40 e 50, junto com a rapaziada que co-frequentava as Lojas Murray, no Rio, e que tramou a Bossa Nova – entre eles Joao Gilberto, que, em 2000, quando veio a Londres para um show no Barbican, ficou mais de uma hora no telefone com Ivan, trocado conversa fiada e cantando sambas antigos.

Maior que o amor pela música, só o amor pelo cinema. Ivan sabia tudo da Hollywood dos anos 40 e 50, e nutria um orgulho especial por ter conhecido atores e roteiristas americanos no Rio de Janeiro ou mesmo nos EUA, apresentados pelo seu pai, o escritor Orígenes Lessa, que trabalhou anos como uma espécie de lobista cultural fazendo um meio campo entre EUA e Brasil.

Siga o iG Cultura no Twitter

Ivan detestava o cinema brasileiro, que considerava amador, mas gostava de falar do ator José Lewgoy, seu grande amigo, e não escondia o orgulho de estar listado no IMBD como “actor“ ligado a filmes brasileiros.

Nos anos 50, Ivan foi ator mirim em dois ou três filmes, entre eles “Maior Que o Ódio” – em que contracena com Agnaldo Rayol -, dirigido por Jose Carlos Burle, estrelado por Anselmo Duarte.

Nos quase 15 anos em que convivi com o Ivan, raramente vi ele tão feliz como quando ele soube que suas cenas em “Maior Que o Ódio” tinham sido colocadas no YouTube.

Veja a lista de colunas da BBC Brasil escritas por Ivan Lessa e publicadas no iG

Autor: Redação iG Tags:

Ao Vivo | 19:34

Em Londres com Ivan Lessa

Oscar Pilagallo, especial para o iG

Convivi cinco anos com Ivan Lessa, a partir de 1986. Trabalhamos no Serviço Brasileiro da BBC, na Bush House, no centro de Londres. Quando cheguei, Ivan estava lá havia quase vinte anos. Dizia que nunca voltaria ao Bananão, como chamava o Brasil, mas o país nunca o deixou.

Ivan Lessa morre aos 77 anos

Leia a última coluna de Ivan Lessa: “Orlando Porto”

O jornalista e escritor Ivan Lessa

Vimo-nos poucas vezes desde que voltei, em 1991. Mas ele estava sempre por perto, na memória e na estante de long-plays. Naquele final dos anos 80, Ivan estava trocando sua coleção de vinil pelos modernos CDs, e eu fui o feliz depositário das bolachas que ele descartava aos poucos.

O disco nunca vinha sozinho. Havia quase sempre um bilhete, em que ele sugeria os trechos para prestar mais atenção, um solo, um fraseado, um verso. Foi assim que ouvi pela primeira vez Mel Tormé, Billy Eckstine e tantos outros. Ninguém conhecia mais a música popular americana do que ele.

Ivan não era dado a solenidades. Chegava à Redação no final da manhã para gravar seus programas de rádio, que mais tarde seriam transmitidos em ondas curtas. Num saquinho de plástico trazia as raridades e as deixava num escaninho em meu nome.

Leia também: Ivan Lessa: O carioca londrino

Não perdia a chance de me gozar. Junto com um dos primeiros LPs, um bilhete bem ao seu estilo: “Ao amigo Oscar, com a admiração do Zé Antônio”. E o pior foi que, sem decifrar o garrancho, eu caí.

Ivan não perdoava. Certa vez caçoou um amigo – que se tornaria cronista famoso e polêmico – que lhe disse ter assobiado determinada harmonia. Pois o amigo então não sabia que se trata de uma impossibilidade física? Como é possível alguém assobiar, ao mesmo tempo, pelo menos três notas, que é o que se precisa para formar uma harmonia? Pelo menos o amigo aprendeu a diferença entre harmonia e melodia.

Trabalhar com o Ivan era sobretudo divertido. Fiz muitas transmissões ao vivo com ele. Nas duplas, ele era quase sempre o segundo apresentador, condição que lhe dava mais liberdade. O âncora, por assim dizer, tinha a responsabilidade de produzir a transmissão e de encerrá-la na hora exata, com poucos segundos de tolerância. Se passasse da hora, o programa era cortado abruptamente; se terminasse antes, entrava um sinal eletrônico para ocupar a frequência, o que gerava reprimendas das instâncias superiores. Pois não é que nos momentos finais da transmissão, quando eu estava com um olho no ponteiro de segundos e o outro no script, Ivan se punha na frente do relógio a fazer caretas!

Siga o iG Cultura no Twitter

Sig, mascote criado por Jaguar e Ivan Lessa

Quando o conheci ele era assim, uma criança de quase 60 anos. Era também uma referência para os jornalistas da geração anterior. Afinal, era o cara que tinha feito o Pasquim – o grande ícone da resistência irreverente à ditadura militar –, a figura mais respeitada pelos humoristas mais sofisticados que hoje escrevem em jornais e se apresentam na TV.

Ao saber de sua morte, fui ouvir Eckstine . “Serenade in Blues” me deixou triste. O Ivan certamente teria pensado alguma brincadeira para me tirar dessa, teria sugerido mudar de faixa, quem sabe “Without a Song”? Mas, Ivan, o disco todo é tão triste. Ou talvez não seja o disco, porque hoje até uma marcha carnavalesca soaria, para mim, em tom menor. Acho que vou reler suas crônicas – é lá que você está, e na minha memória.

Veja a lista de colunas da BBC Brasil escritas por Ivan Lessa e publicadas no iG

Autor: Redação iG Tags:

quinta-feira, 7 de junho de 2012 Uncategorized | 07:11

Acompanhe a situação do trânsito nas estradas

19h42- Régis Bittencourt - Rodovia segue com problemas e congestionamento de 14 quilômetros no sentido Curitiba, com lentidão em dois pontos: do km 328 ao km 337, na região de Juquitiba, e entre os kms 346 e 351, próximo a Miracatu.

19h35 – Floriano Rodrigues Pinheiro - O motorista tem um caminho tranquilo pela frente no trecho entre São Paulo e Campos do Jordão. Tráfego normal nos dois sentidos.

19h33 – Tamoios - Tráfego normal nos dois sentidos, no trecho entre São José dos Campos e Caraguatatuba. O tempo é instável e há neblina em pontos isolados.

19h31 – Oswaldo Cruz – Rodovia tem trânsito tranquilo e sem pontos de lentidão no trecho entre Taubaté e Ubatuba. Motorista deve ficar atento à pista molhada por conta das chuvas. Visibilidade baixa no trecho de serra.

19h26 – Dutra – Dois pontos de congestionamento no sentido Rio-São Paulo. O motorista enfrenta lentidão na pista expressa, entre os kms 165 e 166, e na pista marginal, do km 166 ao km 167,  por excesso de veículos. Já no sentido São Paulo-Rio, a lentidão na região de Nova Iguaçu já chega a sete quilômetros (entre o km 179 e o km 172).

19h11 – Anchieta-Imigrantes - Movimento segue tranquilo em todo o sistema. Concessionária informa que o comboio na Anchieta continua em vigor, com os veículos represados no pedágio e escoltados até um ponto mais seguro. Trechos de Planalto e Baixada têm garoa fina e há neblina no trecho de serra. Motoristas devem diminuir a velocidade.

19h03 – Rodovias no Ceará – Com a greve dos policiais federais cearenses, foram registrados 29 acidentes nas rodovias que ligam a capital ao interior no primeiro dia do feriadão de Corpus Christi. Foram 24 feridos e dois mortos desde quarta-feira até as primeiras horas da manhã desta quinta.

18h54 – BR-290 – Tráfego intenso na rodovia Porto Alegre-Uruguaiana neste início de fim de semana prolongado. Na Porto-São Borja (RSC-287), o fluxo de também é acentuado, mas na maioria das rodovias federais e estaduais do Rio Grande do Sul o movimento foi tranquilo nos trechos que ligam a capital ao interior.

18h38 – Dutra - No sentido Rio-São Paulo, há congestionamento entre os kms 166 e 167, na pista marginal, por conta do excesso de veículos, no Rio de Janeiro. Já na região de Nova Iguaçu, o motorista segue com dificuldades do km 177 ao km 172, na pista expressa, também devido ao tráfego intenso.

18h28 – Rio-Teresópolis - Apesar de o tráfego seguir normal nos dois sentidos, o motorista deve redobrar a atenção devido à baixa visibilidade. Há intensa neblina no trecho de serra e chuva moderada na Baixada Fluminense e entre Teresópolis e Além Paraíba.

18h17 – Anhanguera-Bandeirantes – Segundo informe da concessionária, da meia-noite de quarta-feira (dia 6) até às 17h desta quinta (dia 7), 205 mil veículos passaram pelo sistema. Foram registrados 69 acidentes, que deixaram 24 feridos e duas pessoas mortas. Neste momento, o tráfego é bom.

18h10 – Castelo Branco – Após um veículo quebrado na pista ter complicado o tráfego no sentido interior (trecho entre Osasco e Barueri), o motorista já não encontra mais problemas.

18h07 – Ponte Rio-Niterói – O motorista encontra caminho livre e tráfego fluindo bem nos dois sentidos, sem pontos de lentidão.

18h01 – BR-040 – Apesar do tempo nublado, a visibilidade é boa para o motorista na região de Juiz de Fora, com tráfego normal. Nos trechos de Serra e na Baixada, também não há congestionamento.

17h45 – Anchieta – Apesar do tráfego normal nos dois sentidos, a visibilidade é prejudicada pela forte neblina. A concessionária informa que a Operação Comboio segue em vigor, com os veículos represados no pedágio e escoltados até um ponto mais seguro. O fluxo continua tranquilo em todo o trecho da concessão.

17h31 – Rio-Santos - A pista no sentido litoral está bloqueada devido a um acidente envolvendo um carro e uma moto no km 233, na altura de Bertioga, causando lentidão. No sentido São Paulo, houve bloqueio por 20 minutos, mas após esse período a pista foi liberada. O DER adotou o esquema pare e siga, e às 16h55 havia lentidão por cinco quilômetros nos dois sentidos.

17h23 – Castelo Branco – Um veículo quebrado sobre a pista complica o tráfego no trecho entre Osasco e Barueri (sentido interior). A lentidão vai do km 24 ao km 25.

17h18 – Dutra - Motoristas seguem enfrentando um pequeno congestionamento no sentido Rio-São Paulo, graças ao excesso de veículos. De acordo com a nova atualização da concessionária, agora são quatro quilômetros de lentidão (entre o km 172 e o km 176), na região de Nova Iguaçu.

17h08 – Anchieta-Imigrantes – O motorista não enfrenta dificuldades em nenhuma das rodovias que dão acesso ao litoral sul do Estado. Tráfego flui bem nos dois sentidos e também na Rodovia Padre Manoel da Nóbrega, no trecho da Baixada. O tempo está nublado, com garoa fina e neblina na serra.

17h05 – Anhanguera-Bandeirantes – Tráfego normal em todo o sistema.

17h02 – Dutra - Excesso de veículos fez aumentar um pouco a lentidão na pista expressa do sentido Rio-São Paulo, agora com congestionamento de três quilômetros (entre o km 175 e o km 178), na região de Nova Iguaçu.

16h51 – Rio-Teresópolis - Tráfego continua normal nos dois sentidos (Rio e Teresópolis), na Baixada Fluminense. Mesmo com intensa neblina, o trecho de serra também vai bem. Problemas seguem concentrados em dois trechos do trajeto entre Teresópolis e Além Paraíba: do km 28 ao km 29 e entre o km 13 e o km 14 (em sistema pare e siga).

16h38- Régis Bittencourt - No sentido Curitiba, problemas continuam do km 323 ao km 337, na região de Juquitiba (SP), devido ao excesso de veículos. No sentido São Paulo, o tráfego segue sem lentidão. Com tempo chuvoso durante todo o trajeto, a concessionária orienta os motoristas a reduzirem a velocidade.

16h33 – Castelo Branco - Movimento continua tranquilo e trânsito segue sem problemas em todo o sistema.

16h28 – Dutra - Excesso veículos causa congestionamento no sentido Rio-São Paulo, do km 173 ao km 171, na altura de Belford Roxo. Em Nova Iguaçu, o tráfego flui pela faixa da direita e há lentidão entre os kms 174 e 176 devido a acidente.

16h24 – BR-101/RJ - Os motoristas não encontram problemas nos dois sentidos (Espírito Santo e Niterói). Tráfego flui com tranquilidade.

16h15 – BR-040 - Na região de Itaipava (RJ), o tráfego está em meia pista nos dois sentidos, na altura do km 50, devido a obras. A mesma situação acontece no sentido Rio de Janeiro, nos kms 25, 40 e 54. No km 34, o tráfego segue em mão dupla por conta de acidente. Apesar da chuva fina, a visibilidade é boa.

16h02 – BR-040 - Trânsito congestionado no trecho de serra, sentido Juiz de Fora (MG), na altura do km 99 ao km 96, devido a acidente. O tráfego está em meia pista e a visibilidade é ruim, com chuva fina. Em Juiz de Fora e na Baixada, o trânsito vai bem.

15h52 – Imigrantes – Ecovias informa que houve interdição total da Imigrantes, no trecho de São Paulo, sentido litoral, mas fora do trecho sob responsabilidade da concessionária. De acordo com a CET-SP, o trânsito já foi liberado. A interdição durou 10 minutos por causa de um acidente próximo ao Viaduto Matheus Torloni e houve uma fila grande de veículos. Situação já normalizada.

15h40 – Fernão Dias - Tráfego segue em boas condições nos dois sentidos, Belo Horizonte e São Paulo. O tempo é chuvoso em pontos alternados do trecho. A concessionária orienta os motoristas para que reduzam a velocidade por conta das pistas molhadas.

15h33 – Dutra - Acidente complica o trânsito entre São José dos Campos e Taubaté, do km 121 ao km 123, na região de Caçapava.

15h30 – Anhanguera-Bandeirantes – Tráfego ainda congestionado no trecho entre Jundiaí e Campinas em decorrência de acidente. Congestionamento concentrado do km 89 ao km 92.

15h22 – Ponte Rio-Niterói – Trânsito continua normal nos dois sentidos. Bom caminho para o motorista.

14h58 – Tamoios (SP-099) - Rodovia tem baixo movimento e pistas molhadas

14h50 – Rio-Santos (SP-055) – Câmeras do DER mostram poucos veículos na litorânea desde Bertioga até o litoral Norte de São Paulo

14h43 – Dutra - Congestionamento agora se concentra em Nova Iguaçu, no sentido Rio, altura do km 171 ao km 175. No sentido São Paulo não há pontos de lentidão

14h31- Régis Bittencourt – Há lentidão na pista sentido Curitiba, do km 321,5 ao km 337, na região de Juquitiba, devido ao tráfego intenso

14h20 – Rio-Teresópolis - Trânsito continua intenso por conta de sistema pare e siga em dois pontos no sentido Teresópolis: logo após o trecho de serra, do km 28 ao km 29, e na chegada a cidade serrana, entre os kms 14 e 13

14h09 – Fernão Dias - A faixa 2 e o acostamento da pista Norte (sentido Belo Horizonte) está bloqueada no km 722, na região de Carmo da Cachoeira, devido a uma operação para destombamento de uma carreta. A faixa 1 está liberada. Há retenção do km 727 ao km 722

13h59 – Anhanguera-Bandeirantes - Tráfego melhora e não há mais pontos de congestionamento na região de Jundiaí. Apenas a Bandeirantes segue com lentidão a partir do km 88 até o km 93, em Campinas, ainda reflexo de um acidente

13h45 – Castelo Branco - Movimento segue tranquilo no sistema.

13h34 – Dutra - Acidente causa congestionamento de um quilômentro no sentido Rio na altura do km 170 em São João de Meriti

13h25 – Ayrton Senna-Carvalho Pinto – Sistema segue sem pontos de lentidão

13h15 – Anhanguera-Bandeirantes - As duas rodovias têm pontos de congestionamento.  A Bandeirantes têm trânsito intenso do km 47 ao km 52, em Jundiaí e está congestionada na região de Campinas, entre os kms 86 e 93, devido a um acidente que ocorreu mais cedo. Na Anhanguera, a lentidão vai do km 51 ao km 55

13h – Anchieta - Concessionária encerra operação comboio e libera trânsito para fluir normalmente.

12h47 – Rodovia Floriano Rodrigues Pinheiro – Movimento é tranquilo na estrada com lentidão apenas na chegada a Campos do Jordão por conta do represamento de veículos para passar pelo portal da cidade

12h32 – Anchieta - Concessionária implantou operação comboio, em que a cada meia hora carros da Ecovias e da Polícia Rodoviária conduzem grupos de 500 veículos em baixa velocidade por conta da baixa visibilidade provacada pela neblina. A operação começa na praça de pedágio, no km 31.

12h20 – BR-040 - Tráfego congestionado na altura do km 85 devido a acidente e pouca visibilidade

12h10 – Rodovia dos Lagos – Tráfego normal nos dois sentidos, sem lentidão

11h57 – Rio-Teresópolis - Trânsito intenso por conta de sistema pare e siga em dois pontos no sentido Teresópolis: logo após o trecho de serra, do km 28 ao km 29, e na chegada a cidade serrana, entre os kms 14 e 13

11h50 – Ponte Rio-Niterói - Trânsito permanece tranquilo em toda a extensão

11h47 – Castelo Branco - Tráfego normal nos dois sentidos, de acordo com a concessionária CCR

11h28 – Bandeirantes - Rodovia tem neste momento três trechos de congestionamento. O pior está na saída de São Paulo do km 24 ao km 29, em seguida em Jundiaí, o motorista é obrigado a reduzir a velocidade entre os kms 47 e 52. Em Campinas, por conta de um acidente, também há lentidão do km 91 ao km 93

11h – Anchieta-Imigrantes - Tráfego segue tranquilo. Segundo a concessionária, apenas 1,7 mil veículos utilizaram o sistema no sentido litoral na última hora

10h25 – Dutra – Congestionamento no sentido São Paulo, em Guaratinguetá, entre o km 61 e o km 64 devido a obras na pista

9h52 – Régis Bittencourt - Segue a lentidão na pista sentido Curitiba do km 328 ao km 337, na região de Juquitiba, devido ao tráfego intenso.

9h38 – Anchieta-Imigrantes - Movimento segue tranquilo sem pontos de lentidão para quem vai ou volta do litoral

9h25 – Anhanguera-Bandeirantes - Rodovias que levam ao interior paulista continuam sem ponto de lentidão em toda a extensão

9h15 – Ayrton Senna-Carvalho Pinto - Rodovias têm baixo volume de carros. Concessionária pede atenção por conta da chuva

9h07 – BR-116/SC - Tráfego segue sem retenção em ambos os sentidos da rodovia (Curitiba e Rio Grande do Sul)

9h05 – BR-116/PR -Tráfego intenso na pista Norte (sentido Curitiba). Na pista Sul (sentido Rio Grande do Sul), o tráfego segue sem dificuldades.

8h45- BR-101/SC - Sem pontos de lentidão. Concessionária pede atenção por conta da chuva com variação de intensidade

8h40 – BR-166/PR - Tráfego tranquilo nos dois sentidos

8h23 – Fernão Dias – O tráfego segue sem retenção em ambos os sentidos da rodovia Fernão Dias.

8h12 – Anchieta-Imigrantes – Trânsito segue tranquilo nas rodovias que levam ao litoral Sul de São Paulo

7h52 – Régis Bittencourt - Há lentidão na pista sentido Curitiba do km 334 ao km 337, na região de Juquitiba, devido ao tráfego intenso e a chuva.

Momento é bom para quem precisa viajar. Quem saiu ontem enfrentou trânsito intenso. Veja aqui

7h41 – Anhanguera-Bandeirantes - Concessionária informa que acidente já não causa lentidão na região de Jundiaí e trânsito é tranquilo em todo o sistema.

7h31 – Dutra - Concessionária informa que o trânsito é tranquilo tanto em São Paulo como no Rio de Janeiro.

7h25 – Ayrton Senna-Carvalho Pinto – Corredor não apresenta pontos de lentidão.

7h21 – Ponte Rio-Niterói – Trânsito tranquilo nos dois sentidos de acordo com a concessionária.

7h15 – Sistema Anchieta-Imigrantes - Não há pontos de lentidão por conta de excesso de veículos. A estrada exige atenção apenas por conta da chuva.

7h12 – Bandeirantes – tem congestionamento do km 30 ao km31 por conta de um acidente.

7h05 – Bom dia. O iG aponta a situação do trânsito nas principais estradas do País neste feriado.

Autor: Redação iG Tags:

quarta-feira, 6 de junho de 2012 Ao Vivo | 14:14

Acompanhe a saída para o feriado de Corpus Christi

Siga o movimento pelas câmeras das estradas do País. Na foto, a saída de São Paulo nesta quarta-feira

23h50 – Fernão Dias - Rodovia não registra lentidão na saída de São Paulo.

23h50 – Ponte Rio-Niterói – Trafégo já é normal nos dois sentidos.

23h50 – Via Dutra - Rodovia tem tráfego normal nesta noite.

22h50 – Ponte Rio-Niterói - A ponte ainda tem dois pontos de lentidão no sentido Niterói, no km 321, com retenção no acesso à avenida do Contorno, e com km 324 ao km 322, desde a Ilha do Mocanguê até praça do pedágio.

22h30 – Via Dutra - A rodovia Presidente Dutra tem lentidão no sentido Rio, do km 172 ao km 173 e do km 169 ao km 173, em São João do Meriti.

22h10 – Anhanguera/Bandeirantes – A rodovias que ligam a capital ao interior do Estado têm tráfego normal nesta noite.

21h50 – Ponte Rio-Niterói - A ponte tem dois pontos de lentidão no sentido Niterói, no km 321, com retenção no acesso à avenida do Contorno, e com km 324 ao km 322, nos acessos até a praça do pedágio.

21h30 – Ayrton Senna/Carvalho Pinto - Rodovia Ayrton Senna segue com tráfego lento em direção ao interior, do km 11 ao 25, região entre São Paulo e Guarulhos, por excesso de veículos. No sentido contrário e na rodovia Carvalho Pinto, flui bem. Na rodovia Hélio Smidt, acesso ao Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, o movimento já flui tranquilo em ambas as direções.

21h20 – Via Dutra - A rodovia Presidente Dutra tem lentidão no sentido São Paulo, do km 229 ao km 223,  e na pista sentido Rio, do km 172 ao km 173 e do km 169 ao km 173, em São João do Meriti.

21h10 – Anhanguera/Bandeirantes - Segundo a concessionária que administra a rodovia, a Anhanguera tem um ponto de congestionamento, no sentido interior, na região de Jundiaí, do km 55 ao km 58. Já a Bandeirantes tem lentidão no mesmo sentido, na região de Jundiaí, do km 57 ao km 58 e do 47 ao km 53.

20h40 – Fernão Dias - A rodovia enfrenta problemas com  o tombamento de uma carreta. A uma faixa e o acostamento estão bloqueados no quilômetro 707, no sentido de Belo Horizonte. Outro tombamento gera a retenção do km 725 ao 722 no mesmo sentido.

20h20 – Rodovia BR-101 – A via tem situação tranquila segundo a concessionária. Tentativa de assalto a um ônibus na rodovia, no final da tarde desta quarta-feira (6), resultou em tiroteio e terminou com uma pessoa baleada.

20h15 – Trânsito em São Paulo - A cidade tem 138 km de vias com trânsito lento. A situação melhorou e a tendência é de baixa nos números de congestionamento, segundo a CET.

20h10 – Via Dutra – A situação da rodovia melhorou, mas ainda apresenta pontos de lentidão na chegada à capital paulista. Na saída do Rio em direção à São Paulo, três quilômetros de congestionamento diminuem a velocidade dos carros a partir do km 166.

20h07 – Sistema Anchieta-Imigrantes – Tráfego intenso na Anchieta próximo à saída de São Paulo em direção ao interior.

19h14 – Anhanguera/Bandeirantes – Entre São Paulo e Jundiaí a Rodovia dos Bandeirantes registra 28 km de congestionamento no sentido interior. A Anhanguera tem diversos pontos congestionados também em direção ao interior. Os piores trecho são entre os quilômetros 18 e 24 e do 103 ao 105, próximo à Campinas.

19h07 – Trânsito em São Paulo – A capital paulista registra 225 km de congestionamento, segundo a CET. O trânsito afeta mais de um quarto das vias monitoradas e é 14% acima do normal. Há tendência de piora das condições para as próximas horas.

18h45 – Régis Bittencourt – Há lentidão na pista sentido Curitiba da rodovia Régis Bittencourt, do km 333 ao km 337, na região de Juquitiba, devido ao tráfego intenso. Na pista sentido São Paulo, tráfego normal.

18h26 – Sistema Anchieta-Imigrantes – Lentidão na Rodovia dos Imigrantes na chegada a São Vicente e Praia grande. A Cônego Domênico Rangoni também apresenta dificuldades para o motorista que deixa o Guarujá.  A saída de São Paulo em direção ao litoral tem redução de velocidade pela Anchieta, mas permanece normal na Imigrantes, segundo informações da concessionária.

18h17 – Ponte Rio-Niterói - O trânsito está intenso na ponte por excesso de veículos, principalmente no trecho próximo ao Rio de Janeiro. Nos quilômetros 332 a 334, em direção ao Ri,o e do km 334 ao km 322, no sentido de Niterói, o tráfego é lento. Na chegada a Niterói, no km 321, também há lentidão.

17h39 – Regis Bittencourt -Tráfego congestionado por excesso de veículos próximo à Itapecerica da Serra, do km 287 ao km 290, no sentido de Curitiba.

17h30 – Aeroportos – Os atrasos em Brasília diminuíram, mas ainda chegam a 59,9% durante o dia. Em São Paulo, os dois aeroportos apresentaram piora. Congonhas tem 37,7% dos voos fora do horário e Guarulhos, 19%. Belo Horizonte teve leve piora, com 47 ( 44,8%) voos atrasados até às 17h no aeroporto Tancredo Neves.

17h 15 – Trânsito em São Paulo – A capital paulista registra 194 km de congestionamento, segundo a CET. Os números acima da média são causados pelo excesso de veículos devido ao feriado.

17h09 – Anhanguera/Bandeirantes – Trânsito congestionado no sentido do interior, do km 40 ao km 25 da Bandeirantes. Na Anhanguera o km 25 também está congestionado em direção ao interior.

16h30 – Via Dutra – A rodovia tem trânsito congestionado próximo a São Paulo, nos dois sentidos, por volta dos quilômetros 221 ao 227. No Rio de Janeiro o tráfego também está congestionado do km 166 ao km 173 no sentido da capital paulista e do km 173 ao km 171 na direção do Rio.

16h18 – Ponte Rio-Niterói – Próximo ao Rio de Janeiro o tráfego é lento nos dois sentidos por excesso de veículos. Na chegada à Niterói, a velocidade também diminui no km 321.

16h13 – Sistema Castello-Raposo: Tráfego lento na Rodovia Castello Branco dos quilômetros 16 ao 13, sentido capital, próximo à Osasco e do km 19 ao km 24, sentido interior. A lentidão é causada por excesso de veículos.

16h08 – Sistema Anchieta-Imigrantes – Lentidão na chegada à São Paulo pela Anchieta. A velocidade diminui do km 13 ao 10. Nos outros trechos o tráfego permanece normal, segundo a concessionária.

15h47 – Fernão Dias – A rodovia foi interditada no sentido de Belo Horizonte dos quilômetros 665 a 675 devido a um acidente. O tráfego está parado na região, próxima à cidade de Perdões MG.

15h37 – Anhanguera/Bandeirantes - Trânsito congestionado do km 49 ao 51, próximo à Jundiaí, na Rodovia dos Bandeirantes. Ambos os sentidos têm problemas devido a um acidente. Próximo à Campinas, o trecho do km 103 ao 102 também têm tráfego complicado em direção à capital.

15h15 – Régis Bittencourt – A rodovia tem tráfego lento no sentido de São Paulo do km 353 ao km 351. Em direção à Curitiba, há lentidão por excesso de veículo do km 287 ao km 290, na altura de Itapecerica da Serra.

15h10 – Rodovia BR 040 (Rio-Juiz de Fora) - Trânsito congestionado no sentido do Rio de Janeiro dos quilômetros 123 à 125, segundo informações da concessionária.

15h00 – Via Dutra – A rodovia tem trânsito congestionado na chegada à São Paulo, entre os quilômetros 219 e 225, e na saída da capital paulista em direção do Rio de Janeiro do km 228 ao 219. A saída da capital carioca também tem problemas do km 170 ao km 173.

14h57 – Ponte Rio-Niterói -O trânsito é lento entre o km 331 e o km 322 no sentido Niterói. A ponte tem tráfego normal em direção ao Rio de Janeiro.

14h42 – Aeroportos – Em Brasília 62,3% dos voos até às 14h sofreram atrasasos, segundo a Infraero. Em Belo Horizonte, o Aeroporto Tancredo Neves registrou 42,4% de atrasos. Em São Paulo, mais de um quarto (27%) dos voos de Congonhas e 13,4% dos de Guarulhos estão fora do horário.

14h40 – Sistema Castello-Raposo – O trecho de Osasco e Barueri tem trânsito lento tanto. No sentido de São Paulo, a velocidade diminui entre os quilômetros 13 e 19. Em direção ao interior, a lentidão vai do km 23 ao km 24.

14h18 – Fernão Dias – A via tem tráfego lento do Km 632 ao Km 629 no sentido sentido São Paulo. A região está interditada devido a um acidente.

14h12 – Anchieta/Imigrantes (SP) – Lentidão na chegada à São Paulo pela Anchieta. Nos outros trechos o tráfego é normal.

14h09 – Ayrton Senna-Carvalho Pinto – As vias tem trânsito normal em todos os sentidos, segundo informações da concessionária.

14h05 – Anhanguera/Bandeirantes - Tanto a Rodovia dos Bandeirantes quanto a Anhanguera têm congestionamento na saída da capital paulista em consequência do grande movimento nas marginais. Os trechos com lentidão são do km 12 ao km 11 na Anhanguera e do Km 16 ao 13 na Bandeirantes.

Autor: Redação iG Tags:

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. 10
  8. Última